A HISTÓRIA DO DA VIDA PERFEITA DO ESTUDANTE DE HUMANAS DA “FEDERAL”

       images (9)

       Era uma vez um típico estudante de “humanas” de uma “federal”. Ele era uma “carinha” revoltado com muitas coisas, com o preconceito, com as injustiças sociais, com a natureza perversa do ser humano e, principalmente, com modinhas e padrões. mas ele era jovem e não sabia que todo este senso crítico dele se encaixava dentro de um padrão e era uma modinha universitária. Ele era “desleixado” quanto a aparência, andava calmamente e meio curvado, roupas despojadas e sonhava em ser um astro do rock. Só queria viver o momento, relaxar numa vibe maneira, às vezes curtir seu baseado e sua “cachacinha” com os amigos. Ele queria que o mundo fosse um lugar melhor para se viver em todos os sentidos, na verdade ele achou esse discurso bonito e repetia sempre em seus monólogos, na verdade ele nem imaginava como isso seria possível, na verdade ele nem sabia do que estava falando, mas era bonito.
E eis que um dia o “federal” encontrou o seu amor, a menina que lhe completava, a metade da sua laranja. Aí ele pensou: agora a minha vibe está completa, vou curtir meu baseado e minha cachacinha, fazer o meu som irado com minha “mina” do lado, show! E ele realmente completou a sua vibe, agora estava tudo perfeito, sua vida muito relaxa e critica, politicamente ativa em favor dos mais necessitados e praticando aquele maravilhoso coito com sua “mina”.
O tempo foi passando e o “estudante de humanas” se formou. Festa! Vibe loka. Mas isso não o impediu de continuar ativo politicamente em favor das causas dos injustiçados por essa sociedade cruel e excludente, ele continuava a ir diariamente para a sua antiga “federal” para puxar um baseado e “golar” uma cachacinha com os colegas que ainda não tinham se formado e os calouros que agora o adoravam como um ícone do indivíduo que sabe curtir uma “vibe”, aquele indivíduo que é fiel ao padrão do estudante de humanas de uma federal que é ativo politicamente em prol das causas dos injustiçados pela sociedade cruel e excludente.
Mas e por onde anda a namorada? Primeiramente, o namoro continua firme e forte, continua a 1000 e sem tempo ruim. Já são 5 anos de namoro, coisa rara hoje em dia, hein! Basicamente com relação a isto continua tudo da mesma maneira: Ela continua morando na casa dos pais, a casa dos queridos sogros do “ex-federal, porém ativo na vibe”, a casa que ele frequenta em horários estratégicos durante a semana… Ah não, algumas coisas mudaram, a namorada também está formada, agora trabalha um horário para se manter independente, ou seja, comprar suas roupas e acessórios, e livros, e o principal, bancar as farrinhas nos fins de semana com o “federal da vibe”.
Essa é a história de um casal com uma vida perfeita, sem preocupações, somente uma vibe legal para curtir e causas nobres para servirem como propósito de vida. E assim seguiram na perfeição para o resto da… Semana, até que a namorada descobriu que estava grávida e o “federal curtidor de vibe” caiu em si a respeito do que é a vida. Agora ele se viu obrigado a mudar seu estilo de vida para poder sustentar seu filho e sua esposa. Ele pensou sobre isso durante toda a semana e tomou uma atitude, para ele a melhor, ele se matou!

_______________________________

~X~

(Anderson Yankee)

http://ask.fm/Andyankee

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s