Aluno “Diva”

Atualmente, com o positivo fato da naturalização da homossexualidade, ou seja, da maior tolerância a esta opção sexual das pessoas (apesar de a intolerância ainda existir grandiosamente) este tipo de aluno vem se mostrando a cada dia mais comum nas escolas, sejam da rede pública ou particular. Este tipo de aluno é dono de uma personalidade intensa e marcante, fruto dos seus anseios. Com isso ele não é considerado um real problema numa sala de aula, pois a sua postura positiva ou negativa é definida de acordo com as circunstancias impostas pelo professor.

Se olharmos para um passado não tão distante, onde a intolerância contra os homossexuais era um ato não tão repudiado quanto atualmente, este tipo de aluno não era tão presente nas escolas. Não que eles não existissem, mas que por uma imposição social eles eram obrigados a assumir uma postura tímida, em outras palavras, eram obrigados a se esconderem atrás de uma personalidade extrovertida para não sofrerem preconceito ou mesmo agressão por parte dos que os rodeiam.

Este tipo de aluno poderia sofrer agressão ou preconceito devido a sua personalidade marcante, intensa. O seu comportamento, modo de agir lembra uma “Diva”. A semelhança vem principalmente da sua necessidade de ser notado. Eles não têm um comportamento tão simples, se comparado as pessoas consideradas simples, ou “normais [1]” da sociedade, pois está em constante mudança para trair a atenção dos que o rodeia. Esta mudança diz respeito ao modo de se vestir, principalmente, mas envolve também o seu modo de falar, o próprio comportamento, os anseios pessoais, etc. Como já foi dito, todo esse comportamento e ações convergem para um único ponto, no caso, um único desejo, o de ser notado, de estar em evidencia. Também como fruto da necessidade de ser notado, o aluno “Diva” é, geralmente, altamente ativo, tem um enorme poder de liderança, de motivar os amigos e de criação.

Outro fator da personalidade deste tipo de aluno que o assemelha a figura da “Diva” é que ele exala emoção, ou seja, é a parte emocional da sua psique que se mostra mais ativa. A intensidade da sua parte emocional o leva a ter uma personalidade bastante extremista. Este tipo de alunos é assim, hora radiante, extravagante, seguro, outra hora é ofuscado, sensível, reservado, frágil. É difícil encontrá-lo num meio termo, num estado de equilíbrio, estabilidade entre as suas emoções e a sua razão. Para este tipo de aluno as experiências são sempre muito intensas. Por isso é preciso ter cuidado ao lidar com eles, é preciso cautela, paciência.

Na sala de aula ele, obviamente é um dos centros de atenção. Eles podem chamar a atenção sendo bastante inteligentes e participativos ou então sendo desleixados e brincalhões. Podem ser um exemplo de inteligência com boas notas resultante de bons trabalhos, boas apresentações, da liderança e participação, assim como a sua capacidade de criação. Ou podem ser também um problema na sala de aula por serem pouco dedicados, por conversarem bastante, serem donos de um gênio difícil de lidar, teimosos, enfim, por causarem situações que atrapalham o trabalho do professor e a qualidade da aula e, conseqüentemente, o aprendizado dos outros alunos. É mister lembrar eu estas características por si só não são suficientes para se qualificar um aluno dentro deste tipo específico, é preciso considerar também as suas características da personalidade.

Numa sociedade que está passando por um processo cada vez mais crescente de aceitação da homossexualidade como opção natural das pessoas, mas que ainda é marcada pelo machismo, pelo preconceito, por uma visão tradicional de que os homens devem ter um comportamento específico, que é distinto do comportamento feminino, este tipo de aluno não tem total liberdade para ser quem realmente é, pois o medo do preconceito, dos julgamentos maldosos e até das possíveis agressões ainda existe grandiosamente. Este tipo de aluno, além de querer ser notado, estar em evidencia, quer poder falar do seu modo peculiar sem que alguém o olhe com uma cara de preconceito, ele quer poder usar as suas roupas simples ou extravagantes ou simplesmente diferentes dos padrões sociais sem notar o riso ou o espanto no rosto dos intolerantes, ele quer viver com as suas características peculiares sem que elas causem o ódio de meia dúzia de desinformados.

É importante saber que as características deste tipo de aluno automaticamente levam os demais a classificarem ele como homossexual, no entanto, isso não é regra. Esse ato de classificá-lo como homossexual provém simplesmente do preconceito, do mesmo que leva a intolerância. Isso acontece mais no caso de o aluno ser do sexo masculino e acontece devido ao fato de que as pessoas já têm na cabeça a idéia de que o homem que se veste diferente ou então está em evidencia devido a atitudes fora dos padrões sociais, ou ainda, por que é sensível, ele é “gay”. Ora, isso não é preconceito? Claro que sim, o mais puro deles. Este preconceito é intensificado por outro preconceito de mesmo caráter, o de achar que o que foge aos padrões simples da sociedade masculina, o que é extravagante, o que chama atenção por não ser comum não é para ser usado por homens. É o famoso preconceito de achar que os homens têm que ser brutos e rústicos, sem vaidade.

Por fim, o aluno Diva é, sem dúvidas, uma das figuras mais interessantes de se trabalhar numa sala de aula, isto é, quando se interage de maneira harmoniosa com eles. É primordial que haja uma boa relação com este tipo de aluno, pois com isso ele contribuirá profundamente para o bom andamento da aula. Por outro lado, se este aluno é tratado com hostilidade se estará comprando um grande problema para a sala de aula e grandes dores de cabeça para o professor. De certo, deve-se ter um bom relacionamento com todos os alunos, mas com estes deve-se ter um cuidado dobrado, pois a sua personalidade, como já vimos, é forte com emoções bastante intensas. Isto implica que por pouco o seu humor pode variar de um oposto ao outro.

~X~

(Andinho Yankee)


[1] Normais não no sentido de estado psicológico em oposição ao louco, mas sim no sentido de uma pessoa simples, semelhante as demais pessoas da sociedade, que segue padrões.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s